Como o criador da Mulher Maravilha pode ajudar a sua empresa contábil!

Como O Criador Da Mulher Maravilha Pode Ajudar A Sua Empresa Contábil! - Contabilidade Consultiva | Marco Educação

Na sua opinião, os clientes desorganizados são a maioria ou a minoria dos empresários? 

A desorganização prejudica, e muito, o andamento dos afazeres da sua empresa contábil. Mas existe uma forma de prestar atendimento aos clientes que pecam em organização. E quem vai nos ajudar nessa missão é o mesmo cara que criou a Mulher Maravilha. Eu vou chegar lá. Mas, antes, vamos fazer um teste rápido.

Vou fazer perguntas, e se já aconteceu ou acontece em sua empresa contábil, levante a mão. Valendo: Quem aqui já atendeu a algum cliente que virou o mês e ele esqueceu de emitir aquela nota fiscal no tempo certo? Ou aquele dono de um negócio que admitiu um funcionário e não mandou a carteira dele? Ou ainda aquele prestador de serviço que nem manda os eventos variáveis da folha? Teve gente que deve ter cansado o braço aí!

O fato é que ninguém é igual a ninguém. Mas muitas vezes é preciso ter, como dizem, jogo de cintura para lidar com os diferentes perfis de clientes. É aprender a jogar a favor do seu negócio contábil, do crescimento. 

Já deixo um alerta: Você não faz milagre. Não adianta querer que cubo se encaixe em quadrado. Que triângulo se molde a bola. Entretanto, entender de perfis comportamentais vai lhe ajudar a compreender quem é esse empresário.

É nesta hora que entra William Moulton Marston, o psicólogo que não só criou a Mulher Maravilha, mas também desenvolveu um estudo do comportamento humano, em 1928. Ele percebeu que existem 4 principais dimensões que nos perfilam resumidos na sigla Disc: dominância, influência, estabilidade e conformidade (em inglês: dominant, influence, steadiness e compliant, respectivamente).

Esses perfis estão ligados a valores e motivações das pessoas, como ele explicou no livro Emoções das pessoas normais e que vão te ajudar a entender como seus clientes são.

Os 4 perfis de comportamento

1- Executor

São pessoas que gostam de resolver problemas de forma ágil e criativa, por isso são inovadores em soluções. Eles esperam o mesmo de outros membros da equipe. Costumam ser dominadores e tem postura de liderança. 

Geralmente são objetivos e exigentes. Isso pode até gerar certo desconforto em pessoas que trabalham com eles, mas esse perfil de pessoa costuma fazer o trabalho alcançar boas metas. Pessoas com alta dominância são assertivas, questionadoras e confiantes. 

2- Influenciador

É o tipo de pessoa comunicativa e que gosta de incentivar pessoas. No trabalho, tem bom relacionamento com seus colegas. Seu jeito pode desagradar a alguns pelo hábito de por vezes falar demais. 

Pode apresentar perda de foco em reuniões ou mesmo fazer promessas que não consegue cumprir. Ainda assim é um tipo de pessoa que sempre promove união e motivação entre as pessoas. Indivíduos com alta influência são sociáveis, persuasivos e positivos. 

3- Estável

Geralmente são pessoas que gostam de tomar decisões bem pensadas, com paciência e atenção aos detalhes. Principalmente quando essas decisões envolvem terceiros ou mesmo subordinados, quando se pensa em campo de trabalho. 

É um perfil planejador, visionário. Ele desenha o futuro, planeja as ações que precisam ser feitas. É ótimo para identificar os problemas, gosta de ajudar, trabalha bem em equipe, possui as características de liderança.

Algumas pessoas que convivem com esse perfil, acreditam que a pessoa demora tempo demais para tomar decisões ou concluir projetos. E parece ter dificuldade para cobrar resultados. São pessoas que gostam que haja um alto nível de atenção ao que produzem para ela.

Contador Consultor - Contabilidade Consultiva | Marco EducaçãoPowered by Rock Convert

Essa alta estabilidade vinculada ao perfil faz com que sejam pessoas cuidadosas, amáveis e compreensivas.

4- Conformidade

Neste perfil, há um gosto por seguir à risca normas e evitam perda de prazos. Tem gente que estranha esse comportamento e julga como impessoal ou mesmo rigoroso no modo de seguir regras. É um perfil que apresenta alta conformidade. Pessoas assim são perfeccionistas, orientados a regras e autodisciplinados. 

Só neste perfilamento, você pode notar que quem tem um perfil voltado à dominância ou mesmo de influenciador, pode ter dificuldades nos quesitos de planejar e organizar antes de agir.

E muitas dessas características estão presentes desde a infância. Por isso é que você vê crianças que são mais sorridentes, que querem falar toda hora, e crianças que são mais caladas, mais fechadas. Podem ser duas crianças da mesma idade e terem esse comportamento diferente. 

Lado a lado do cliente contábil

Conversando com contadores, noto que a origem da frustração de muitos é esse desejo que os clientes sejam organizados. Talvez você não esteja acostumado com essa frase, mas uma empresa de contabilidade é essencialmente uma empresa de educação. O que nós fazemos é educar os empresários.

É papel do contador instruir, mostrar caminhos para que esse empresário consiga se organizar. E elevar o cliente a esse próximo degrau, da organização, não é impor regras. 

Contabilidade não é somente procedimento de operações, não é somente cumprir obrigações acessórias. Um pilar importantíssimo é a educação. Já ouvi contador reclamando de cliente pedir explicação sobre alguma coisa, mas isso é um ótimo sinal.

Tirar dúvidas e esclarecer pontos faz parte do jogo. Mais importante do que pagar o imposto, é mostrar ao empresário porque ele está pagando ele. Ajudá-lo a procurar uma outra forma ou estrutura jurídica para pagar menos imposto com a mesma segurança.

É necessário cobrar envio de documentos? É. Mas também ser parceiro. Mostrar que está ao lado dele. Você precisa explicar a importância do seu trabalho contábil e como ele pode evitar maiores problemas com atitudes pequenas.

Dessa forma você conseguirá cobrar o envio dos documentos sem ser o cara chato que todo dia manda mensagem. Você será o amigo que quer ajudar o cliente evitar uma dor de cabeça no futuro.

Há clientes em que a solução será terceirizar o financeiro dele para que ele tenha informações importantes e condições de fazer sua empresa crescer, se projetar. E entender esses perfis vai ajudar a relação com os empresários e até fortalecer seu time empresarial, entendendo seus potenciais e trabalhando neles.

Para acompanhar mais sobre gestão de empresa contábil nos acompanhe nas redes sociais!

 

Fazer um comentário


Recomendado
“Está caro!”. Uma vez na vida, ou várias vezes durante…